Relatório: Os viajantes corporativos tomarão a vacina da COVID-19?

Ter acesso a uma vacina é o catalisador mais importante para que as viagens corporativas sejam totalmente retomadas. Essa é a opinião de mais de 700 pessoas que responderam a pesquisa da BCD Travel entre 30 de novembro e 4 de dezembro de 2020. Os participantes da pesquisa advertiram que vacinas eficazes podem ajudar a abrir o caminho de volta para viagens seguras e irrestritas, mas não são a única solução. Descubra o que os viajantes corporativos precisam para voltarem a viajar de forma segura Feita pelo time de BCD Travel Research & Innovation, The path back to safe travel: …

Ter acesso a uma vacina é o catalisador mais importante para que as viagens corporativas sejam totalmente retomadas. Essa é a opinião de mais de 700 pessoas que responderam a pesquisa da BCD Travel entre 30 de novembro e 4 de dezembro de 2020. Os participantes da pesquisa advertiram que vacinas eficazes podem ajudar a abrir o caminho de volta para viagens seguras e irrestritas, mas não são a única solução.

Descubra o que os viajantes corporativos precisam para voltarem a viajar de forma segura

Feita pelo time de BCD Travel Research & Innovation, The path back to safe travel: Vaccines and more analisa os desenvolvimentos em cinco áreas relacionadas a vacinas e viagens corporativas. Em cada seção, os especialistas dão insights a partir de dados primários, coletados de participantes da pesquisa, e recursos de terceiros. As cinco áreas analisadas são:

  • Ampla distribuição de vacinas eficazes
  • O fim ou a flexibilização dos lockdowns
  • Testes disponíveis pré-partida e na chegada em aeroportos e via companhias aéreas
  • Passaportes digitais de saúde
  • Corredores de viagem introduzidos entre os principais mercados internacionais

Quando se trata de viagens corporativas, a necessidade faz toda a diferença

 Menos de 15% dos viajantes de negócios pesquisados voltaram a viajar regularmente até agora; esse número deve se aproximar de 60% até meados de 2021. Quase todos os entrevistados acreditam que terão voltado a viajar regularmente até o final do ano.

Determinar se uma viagem é necessária ficou em primeiro lugar entre os fatores de decisão. A COVID-19 está levando-os a perguntar se uma viagem é realmente essencial. O risco à saúde pessoal, a taxa de infecção pela COVID-19 no destino, a necessidade de quarentena e os requisitos de teste de COVID-19 no destino também surgiram como considerações primárias.

Participe da conversa

Um webinar com painéis dos líderes de pesquisa e especialista em crises da BCD Travel explorou as descobertas do Research Report. Para ter acesso à gravação pós-evento, acesse aqui.

 

Stay in the know,
even on the go

Never want to miss a thing?

We'll get you the latest news, trends, insights and BCD news right in your inbox.