A BCD Travel recomenda: Copenhagen

Um das cidades mais criativas do norte da Europa

Copenhagen mostra um equilíbrio perfeito: ela é suficientemente grande para oferecer cultura, compras e vida noturna de classe mundial mas, mesmo assim, é pequena o suficiente para ser segura, aconchegante e fácil de ser navegada. A cidade acolhe os visitantes por meio de lugares lindos, museus famosos e culinária revolucionária. Ciclistas, pessoas que gostam de tomar sol e pedestres tiram o máximo proveito dos calçadões à beira do mar, áreas exclusivas para pedestres e parques verdejantes, especialmente no verão. Os habitantes locais sentem muito orgulho de sua cidade e estão ansiosos para mostrá-la ao mundo.

Sediando a Bolsa de Valores de Copenhagen, a cidade é um grande centro financeiro. O setor de serviços e o setor farmacêutico estão desfrutando de um crescimento particularmente forte. Os recentes investimentos municipais em infra-estrutura avançaram o desenvolvimento institucional, urbano e cultural.

Indo e voltando do aeroporto

O Aeroporto de Copenhagen fica na ilha de Amager, a oito quilômetros ao sul do centro da cidade. Há táxis à disposição no lado de fora das áreas de chegada do Terminal 1 e do Terminal 3. Uma viagem só de ida para o centro da cidade custa aproximadamente DKK 190 (US$ 35,00 usando a conversão de US$ 1,00 para DKK 5,38). A estação do Metro está localizada no final do Terminal 3. Ela funciona 24 horas por dia. O tempo de viagem da estação Nørreport até o centro de Copenhagen é de 15 minutos. Ou você pode pegar o trem, que também sai do Terminal 3.

Movimentando-se por Copenhagen

A maior parte das atrações de Copenhagen fica dentro de um raio de cinco quilômetros. Uma ótima maneira de descobrir a cidade é a pé ou de bicicleta. A Rent a Bike Copenhagen aluga bicicletas por DKK 95 por dia (US$ 17,65). Se você precisa ir mais longe, use o transporte público. O transporte público de Copenhagen funciona de acordo com um sistema de tarifas integradas; assim, os bilhetes valem tanto para o metrô, como para ônibus e trem. Eles podem ser comprados em máquinas que se encontram em todas as estações do metrô. Um bilhete único para três zonas custa DKK 36 (US$ 6,69). Um passe do programa City Pass permite viagens ilimitadas por um período de 24 horas e custa DKK 80 (US$ 14,86), ou você pode comprar um Copenhagen Card. Esse cartão oferece acesso ilimitado ao transporte público, entrada franca a 72 atrações e descontos em restaurantes e aluguel de carros. Os preços variam dependendo da duração.

Onde ficar

Para acomodações de luxo e e primeira categoria, experimente o Radisson Blu Royal Hotel Copenhagen (Hammerichsgade 1, Copenhagen 1611; Tel.: +45-3342-6000), o Marriott Copenhagen (Kalvebod Brygge 5, Copenhagen 1560; Tel.: +45-8833-9900), o Crowne Plaza Copenhagen Towers (Oerestads Blvd. 114-118, Copenhagen 2300; Tel.: +45-8877-6655) ou o Palace Hotel Copenhagen (Raadhuspladsen 57, Copenhagen 1550; Tel.: +45-3314-4050.)

Opções de preços moderados incluem o Clarion Collection Hotel Mayfair (Helgolansgade 3, Copenhagen 1653; Tel.: +45-7012-1700) e o Park Inn by Radisson Copenhagen Airport (Engvej 171, Copenhagen 2300; Tel.: +45-3287-0202).

O que ver e o que fazer

Henrik Schmidt, o diretor de marketing da BCD Travel na Dinamarca, recomenda explorar a cidade de barco. Vá em um passeio guiado ao redor do porto e pelos canais pitorescos. Você vai aprender sobre a história da cidade e ver marcos famosos. O preço do passeio é DKK 75 (US$ 13,94). Todos os guias falam inglês e alemão; alguns falam francês, espanhol ou italiano.

O Tivoli Gardens é uma mistura de parque de diversões, jardins, pavilhões de comida e palcos para apresentações ao ar livre. O parque foi inaugurado em 1843 e é a atração mais famosa da Dinamarca. De dia, você pode andar na montanha russa e desfrutar de um ambiente digno de um conto de fadas, e à noite, vá a uma apresentação. Desde peças teatrais a bandas de música tocando ao vivo, há algo para todos os gostos. O parque fica aberto entre meados a abril a meados de setembro. A entrada custa DKK 99 (US$ 18,39) para adultos e é franca para crianças menores de oito anos.

Não deixe de incluir um passeio pela Strøget em seu itinerário. Uma das ruas de compras para pedestres mais longas da Europa, ela atravessa o centro da cidade e oferece uma variedade de lojas e restaurantes. Marcas internacionais, lojas de lembranças e lanchonetes alinham essa rua ampla. Ela está sempre movimentada, cheia de artistas de rua, turistas e habitantes locais.

Copenhagen conta com uma ampla gama de museus de nível mundial. No National Museum of Denmark você descobrirá uma ampla coleção de artefatos relacionados à cultura e à história da Dinamarca, desde a época pré-histórica até os dias atuais. Se é por arte que você está procurando, a National Gallery of Denmark é um bom lugar para começar. Ela abriga a maior coleção de arte dinamarquesa do país, e inclui obras clássicas do século XVIII, bem como arte moderna contemporânea. Ambos os museus ficam fechados nas segundas-feiras e oferecem entrada franca às coleções permanentes.

Onde comer

Mesmo os conhecedores de comida mais exigentes ficarão impressionados com o padrão das refeições oferecido em Copenhagen. A cidade conta com 17 restaurantes que receberam estrelas do guia Michelin e muitas outras opções de excelente qualidade.

O Noma é atualmente o primeiro colocando na prestigiosa lista dos cinquenta melhores restaurantes do mundo (World’s 50 Best Restaurants List) de San Pellegrino, graças à criativa culinária “nova Nórdica” do chefe de cozinha René Redzepi. Considere, por exemplo, o caldo de legumes servido dentro de um nabo aquecido: você toma o caldo usando um canudo feito com um pedaço de funcho. A lula com talo de brócolis e molho de vieiras vem em uma tigela feita de gelo. Você precisa se planejar com muita antecedência se quiser comer no Noma: as reservas precisam ser feitas muitos meses antes. Ele se encontra na Strandgade 93, Copenhagen 1401; Tel.: +45-3296-3297.

Antes de sair da cidade, Henrik insiste que você experimente um smørrebrød (que literalmente significa pão espalhado ou sanduíche aberto). Este almoço tradicional dinamarquês é feito com pão de centeio e pode ser servido com uma ampla gama de recheios, desde arengue com curry até carne em conserva e repolho azedo. Um bom lugar para comê-lo é o Told & Snaps, onde você sempre encontrará comida fresca e serviço simpático. Ele fica na Toldbodgade 2, Copenhagen1253; Tel.: +45-3393-8385.

O Manzel é muito frequentado por urbanitas cheios de estilo. Seus pratos da culinária libanesa são para serem divididos. Uma boa opção é pedir o menu degustação: ele vem com dez pratos com porções de aperitivo. A área pouco iluminada é o lugar perfeito para relaxar e escolher algumas bebidas da longa lista de coquetéis. Ele fica no Rosengården 18, Copenhagen 1171; Tel.: +45-3131-3334.

Desfrute a comida e da vista no Nyhavns Færgekro. Este restaurante bastante procurado tem um terraço em frente ao canal e o porto vibrante. Um bufê diário oferece dez tipos de arengue, mas se você prefere comer outra coisa eles contam também com um cardápio à la carte com pratos clássicos como hambúrgueres, filés e saladas. Ele se encontra na Nyhavn 5, Copenhagen 1051; Tel.: + 45-3315-1588.

Stay in the know,
even on the go

Never want to miss a thing?

We'll get you the latest news, trends, insights and BCD news right in your inbox.